Etanol ou gasolina: o que vale a pena? Entenda o cálculo

Etanol ou gasolina: o que vale a pena? Entenda o cálculo

cálculo do etanol ou gasolina na moto

Quem possui ou cogita adquirir um veículo com motor flex muitas vezes tem dúvida sobre qual combustível optar.

Para saber qual vale mais a pena, comumente as pessoas realizam um cálculo bem simples e verificam se o resultado é inferior ou superior a 0,7.

Essa classificação de 0,7, também conhecida como regra do 70%, afirma que o etanol somente é vantajoso se custar até 70% do litro de gasolina.

No entanto, identificou-se que esse cálculo etanol gasolina está ultrapassado, pois os motores flex estão evoluindo cada vez mais.

Além disso, a regra dos 70% não considera variáveis como o desempenho de cada veículo e perfil de direção de cada motorista.

Esses dois fatores também influenciam na hora de verificar qual combustível vale mais a pena. 

Desse modo, para saber qual combustível é mais viável, é preciso que você mesmo realize alguns testes e cálculos.

Para saber como, acompanhe o passo a passo a seguir!

Passo a passo para realizar o cálculo etanol gasolina

Calcule o consumo de etanol e gasolina

Em primeiro lugar, é necessário calcular o consumo de etanol e gasolina separadamente.

Assim, você sabe exatamente o desempenho do seu veículo com cada combustível, considerando seu perfil enquanto motorista. 

Se você tem computador de bordo, é fácil verificar, pois o painel mostra quantos quilômetros por litro seu veículo faz ao usar cada combustível.

Caso possua um veículo importado, pode ser um pouco mais complicado, porque eles mostram a quantidade de combustível consumido a cada 100 km.

Sendo assim, é preciso dividir a distância percorrida por 100 km.

Agora, se o veículo não possui computador a bordo, é necessário fazer o seguinte:

Dirija-se a um posto de combustível e abasteça o tanque do veículo até que desarme a bomba. 

Logo após, zere o hodômetro. Depois que consumir uma quantidade significativa de combustível, abasteça novamente o veículo.

Nesse momento, identifique a quantidade em litros de combustível abastecido e a divida pela quilometragem percorrida.

Para obter um resultado mais preciso, repita essa operação três vezes com cada tipo de combustível.

Descubra seu fator de consumo

Após identificar seu consumo de etanol e gasolina, divida o primeiro pelo segundo. 

Vamos supor que você possui uma moto com motor flex e seu consumo com etanol é de 7,3 km/l, e de gasolina, 10 km/l.

Nesse caso, você deve dividir 7,3 por 10, o que resulta 0,73 ou 73%.

Esse resultado corresponde ao seu fator de consumo em relação ao seu veículo e perfil enquanto motorista.

Interprete o resultado final

Divida o preço do etanol pelo da gasolina, e se o resultado não for superior ao fator encontrado, significa que o etanol é a opção mais viável. 

Por exemplo: vamos considerar que o preço do etanol é de R$ 2,74 por litro e de gasolina R$ 4,64 a cada litro. 

Ao dividir 2,74 por 4,64, você encontra o seguinte resultado: 0,59 ou 59%.

Portanto, nesse caso, é mais vantajoso optar pelo etanol, pois a relação entre os preços é inferior ou igual a 0,73. 

Alba Moto: a melhor opção para quem busca o maior custo-benefício

Se você possui uma moto flex, certamente preza pelo maior custo-benefício.

Caso esteja em busca de uma marca que ofereça justamente produtos de qualidade por preços acessíveis, conheça a loja online da Alba Moto.

 

Lá, você encontra diversas vestimentas e acessórios para motociclistas, principalmente itens impermeáveis, que são a especialidade da Alba Moto.