Moto econômica: conheça alguns modelos - Alba Moto

Moto econômica: conheça alguns modelos

Moto econômica

Dispor de uma moto econômica é fundamental para quem dirige todos os dias ou atua com serviços de entrega.

Neste post, confira os principais modelos de motos econômicas e dicas de como potencializar ainda mais essa economia. Boa leitura!

Motos econômicas disponíveis no Brasil

Honda Biz

Esse modelo é um dos mais baratos e econômicos do país, pois seu preço é acessível e seu consumo de combustível, baixo.

A Honda Biz também se tornou um dos mais populares, sendo responsável por disseminar o uso das scooters, por mais que a Biz em si seja uma motoneta.

Dentre suas principais características, podemos citar:

  • Câmbio semiautomático;
  • Consumo de combustível de 52,9 km/l;
  • Cilindrada de 109,1 cc;
  • Potência máxima de 9,2 cv a 7.500 RPM;
  • Porta-objetos sob o banco.

Honda CG

Esse modelo também está entre os mais econômicos do país, tendo em vista que apresenta excelente custo-benefício.

Isso porque ela é uma moto resistente, que não demanda muitos custos com manutenção e seu consumo de combustível é de 35 km/l.

Dentre outras características, podemos destacar:

  • Transmissão manual em cinco velocidades;
  • Cilindrada de 125 cc;
  • Potência máxima do motor de 15,1 cv a 8.000 RPM.

Yamaha YBR 125

Esse é outro modelo que merece compor esta lista, pois é econômico sem perder nada no quesito qualidade.

Dentre as vantagens da Yamaha YBR 125, é possível mencionar:

  • Consumo de combustível de 35 km/l;
  • Cilindrada de 125 cc;
  • Potência máxima do motor de 11,1 cv a 8.000 RPM.

Yamaha XTZ 125

Para fechar a lista, não poderia faltar a Yamaha XTZ 125. Algumas das características que a tornam econômica são:

  • Consumo de combustível de 36,13 km/l;
  • Potência máxima do motor de 10 cv a 7.500 RPM;
  • Cilindrada de 125 cc.

Dicas de como deixar sua moto ainda mais econômica

  • Pneus: as motos consomem mais combustível quando estão com os pneus murchos, portanto, calibre-os a cada 15 dias.
  • Corrente e transmissão: é importante que a corrente esteja ajustada e a transmissão lubrificada, pois, do contrário, há maior consumo de combustível.
  • Freios: como o atrito acarreta mais consumo de combustível, é necessário verificar o estado dos freios todos os meses.
  • Injeção eletrônica: diferentemente do que muitos podem pensar, pilotar uma moto em ponto-morto ou com a embreagem puxada não gera economia. 
  • Filtro de ar: como a poeira impede a passagem de ar no filtro, é necessário verificá-lo a cada 2000 km percorridos para evitar o alto consumo.

Por que devo utilizar equipamentos de segurança para motociclistas?

Não basta dispor de uma moto econômica se você não investir em itens que garantam a sua segurança e a da moto.

Há diversos acessórios com faixas refletivas que tornam os motociclistas mais visíveis no trânsito.

Assim como há uma variedade de vestimentas que são capazes de proteger os motociclistas tanto de acidentes quanto das intempéries climáticas.

Esses itens, além de oferecer segurança e conforto, também diminuem as chances de gastos com saúde e manutenção da moto.

Se você deseja adquirir equipamentos por um excelente custo-benefício, conte com a Alba Moto. Conheça a loja online!